7 estratégias de marketing digital para encantar



Oito segundos. Esse é o tempo que você tem para encantar um futuro cliente quando ele visita o seu site ou as suas redes sociais.

Isso significa que se você tiver um conteúdo de qualidade, baseado em estratégias de marketing digital, existem chances significativas desse visitante entrar em contato, acompanhar suas redes sociais ou se tornar um cliente.

 

E este é apenas o nascimento da história de amor (ou não) entre vocês: o processo de encantamento deve ser contínuo. É importante que você o surpreenda com um posicionamento inteligente e postagens estratégicas. Pode ser sobre algo do momento (aquele viral adaptado ao universo da sua marca é sempre uma ótima sacada!), sobre alguém que usa o seu produto ou serviço e gera credibilidade ou ações que promovam a interação dos seus fãs com a sua marca.
Existem alguns tópicos importantíssimos que devemos levar em consideração para 2017. Listamos algumas estratégias essenciais para o público não esquecer da sua empresa.

 

Comunicação Visual: a primeira impressão é a que fica.

O post que aparece na timeline precisa ser absorvido apenas com uma “batida de olho”.
A informação mais objetiva é a que irá chamar a atenção da pessoa e atrair para alguma interação com o seu conteúdo. Não existe tempo (e nem vontade!) do usuário em ler algo que não lhe atraiu para descobrir o que a sua marca fala. Isso significa que a sua comunicação visual precisa ser perspicaz, deve chamar mais atenção que as demais e deve passar uma mensagem eficiente, criativa e diferente. (Leia mais sobre redes sociais neste artigo)

 

Livestreaming: o poder do agora.

Desde que foi lançado o “ao vivo” do facebook, webinars e bate-papos tem se tornado frequentes. Hoje, com o live do instagram, fica ainda mais fácil (e rápido, novamente!) um cliente acompanhar a criação de um produto, o making of de uma campanha e o editorial de um lançamento. Marketing de proximidade existe e os clientes que conhecem o “inside” da sua marca vão ter prazer em comprá-la.

 

Storytelling: era uma vez…

Conte uma história! Saber quem faz, de onde vem e como a empresa começou é meio caminho andado para um marketing digital afetivo poderoso.
Lembre-se dessa nota: marcas não são mais apenas marcas, são escolhas do dia-a-dia que dizem muito sobre quem as compra.
“Eu como esse macarrão porque seu processo de produção é vegano”, “Eu como esse macarrão pois sua embalagem é eco” “Eu como esse macarrão porque a fulana que eu sigo também come!” “Eu como esse macarrão porque os processos de fabricação são os mais cuidadosos, eu vi!”
Ps.: Essas reações só acontecerão se você souber contar os seus atributos da forma mais cativante.

 

Audiovisual: o poder da multimídia!

Extra! Extra!: vídeos serão responsáveis por 79% do tráfego da internet. Isso quer dizer que o conteúdo vai continuar sendo um carro-chefe, mas quando ele combina imagem, palavras e sons, conseguimos reproduzi-lo com excelência. Alguns poucos minutos de vídeo podem transformar a sua forma de se comunicar, e não estamos falando de grandes produções: conteúdo autoral, do dia-a-dia funciona muito bem nas redes sociais.

 

Personalidade.

Assim como um indivíduo, a sua marca também tem personalidade. Seus seguidores definem onde você deve estar, e esse deve ser o seu foco! É importante lembrar que o sucesso e retorno nesses canais de comunicação demandam tempo e dedicação, e ter menos likes hoje não quer dizer que você não está sendo visto, mas que seu público-alvo não interage como o esperado.

 

 

Digital influencers: pessoas influenciam pessoas.

A probabilidade de você comprar algo que um amigo ou alguém que você admira indica é muito maior do que o vendedor tentando lhe explicar o valor do produto ou serviço. Os influenciadores digitais (digital influencers) atuam dessa forma, milhares de pessoas que se identificam com o seu estilo de vida são diretamente influenciadas pelas imagens que eles utilizam, seja vídeo, fotos ou transmissões ao vivo. A naturalidade e a mínima produção das imagens humaniza e aproxima o espectador da pessoa influenciadora. É importante perceber que cada produto combina com um tipo diferente de digital influencer, isso deve ser estudado e analisado para que a ação funcione 100%.

 

Acredite nos profissionais que trabalham com marketing, design e comunicação da mesma forma que você confia em seu médico, ou no engenheiro que faz o projeto estrutural da sua casa. Existe um universo infinito para trabalhar e não existe mais espaço para amadorismo, afinal, você investiu o seu tempo e dinheiro na sua empresa.

Acompanhe as novidades